Reuso de Água Condensada de Condicionadores de Ar

Coleta de Água de Chuva
Chuva: Água Excelente com Usos Ilimitados
16 de setembro de 2016
fontes alternativas de água
Fontes Alternativas de Água
24 de setembro de 2016
Dificuldade do Texto: Baixa

Sistemas de refrigeração são baseados em evaporadores, onde fluidos refrigerantes mudam do estado líquido para vapor, refrigerando o sistema. O ar então é soprado pelo evaporador, que possui trocadores de calor, tornando-o refrigerando. A umidade presente no ar é condensada e normalmente é conduzida à rede de esgoto pluvial. Alguns prédios comerciais e industriais estão começando a capturar, tratar e utilizar esta água em seus processos e não mais descartá-la.

A água proveniente de sistemas de ar condicionado é pura, destilada e gelada. Normalmente ela precisa de pouco tratamento. Quando é destinada a torres de resfriamento ela já está refrigerada, reduzindo o consumo de energia. Dependendo da forma construtiva do equipamento e do local de instalação, esta água dispensa tratamento e já está pronta para o uso.

Outra grande vantagem em utilizar a água de condensação de sistemas de ar condicionado é que ela possui baixíssima presença de sais minerais, podendo assim aumentar o ciclo de concentração em torres de resfriamento, diminuindo a necessidade de descarte de água nestes sistemas.

Em grandes prédios comerciais, a recuperação de condensado geralmente produz água suficiente para suprir toda necessidade de água de reposição de torres de resfriamento. Em regiões de climas tropicais, que possuem elevada temperatura e umidade, recuperação de condensado é uma ótima opção. Em São Paulo, onde a umidade média do ar é superior a 70%, um estudo realizado em um centro comercial com área de aproximadamente 22.000 m² apresentou capacidade recuperação de 6.000 L de água por dia. O projeto de reuso desta água contempla o tratamento, armazenagem e distribuição da mesma.

A quantidade de água condensada produzida depende da temperatura e umidade, tanto externa quanto interna, bem como do tamanho do sistema de refrigeração local. Uma aproximação pode ser adotada para se ter ideia inicial da capacidade de captação de água para grandes empreendimentos. Durante o verão de 20 a 30 l/h para cada 1.000 m² de área refrigerada.

Apesar da água ter um grau de pureza relativamente elevado, é necessário se atentar ao tratamento adequado que deve ser realizado para cada aplicação, pois contaminações microbiológicas ou água com pH muito baixo podem ser produzidas.

Para todas as situações, sejam aplicações comerciais ou industriais, a LITER possui know-how e um corpo técnico dedicado a encontrar a melhor solução para a sua aplicação. Entre em contato conosco para que possamos auxiliá-lo a encontrar a melhor solução.

Compartilhe

Os comentários estão encerrados.